terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Nam myoho rengue kyo

Não. Eu nunca deixei de abrir meu blog. Ainda hoje, esperançoso, abro essas páginas para procurar um comentário, uma crítica, qualquer coisa do tipo. Carência comum de quem escreve e quer compartilhar com os outros um pouco do que pensa. Normal. Mas afinal, o que mesmo me motiva a vir aqui todos os dias? Mesmo sem ter o que escrever ou com o tempo apertado, passar por aqui, rever algumas coisas. Estranho, muito estranho.
Hoje ao abrir a página vi meu primeiro texto postado. Lá estava: publicado em 17 de dezembro de 2007, às 15:06. Uma poesia, chamada Síndrome de Peter Pan, criada em forma de canção havia pelo menos uns 6 meses. Estava eu nessa época em meio a crises de transtorno de ansiedade, preso em casa. Em meio a esses problemas, foi onde me apoiei. Na ocasião, o blog se chamava "Mitologia Moderna - Cantos e Contos". Foi assim até o finzinho do ano passado, quando adotei o nome "Primaveras de Sarcasmo", termo usado por Mário de Andrade na poesia "O trovador".
Durante esses mais de 5 anos, sempre que entro nesse blog, me sinto sempre muito feliz com o que tenho feito.
É realmente muito recompensador ver como a vida mudou nesses anos. Mudou muito.
Hoje, aos 26 anos, meus sonhos vão se tornando cada vez mais próximos de serem realizados. Foi aqui que postei coisas importantes, como o dia em que passei no vestibular, a primeira vez que apareci na mídia escrita. Textos de libertação, textos ruins, minha experimentação escrita, em busca de um sonho simples, bobo: melhorar meus processos de escrita. Escrever bem.
Há mais ou menos 6 meses, comecei a escrever meu primeiro romance. Ano passado foi editado meu primeiro livro, virou um belo trabalho da UNESP. Acumulado de contos, advindos desse site. Meu primeiro romance tem o prazo de 2 anos a partir de hoje para ser publicado. Até lá, muita coisa vai acontecer.
Hoje, trabalho como coordenador da equipe de recreação do Santa Clara Eco Resort. Produzo textos para o facebook da mesma empresa. Estou a poucos passos de terminar minha graduação, só mais 2 anos. Namoro a quase 2 anos com Marina Dóris, uma linda menina de coração bom. Tenho uma sobrinha. Tenho saudades da minha família e de muitos amigos.

Ao Alexandre Sansão de daqui a 2 anos, o meu boa sorte. Sei como estará, mas é o que te desejo.